domingo, 4 de novembro de 2007

Está tudo iluminado, Joanathan Safran Foer


Passei grande parte da tarde a massacrar os meus queridos colegas, a perseguí-los pela livraria, de livro na mão, a tentar partilhar com eles a minha mais recente descoberta literária, com a qual fiquei literalmente iluminada. (hum, estarei a parecer-vos um pouco desequilibrada ou fora de mim?)
Eles, e até alguns dos nossos queridos clientes, provavelmente exaustos com tamanha insistência, acederam ao meu pedido e assim prometeram ler o livro.


Acho justo portanto que alguns leitores cibernáuticos, mesmo que acidentais, tenham a sorte de partilhar a minha admiração por este jovem Escritor
Sinopse:

"Romance de estreia de Jonathan Safran Foer, "Está Tudo Iluminado"(galardoado com o The Guardian First Book Award, entre outros prémios) é uma obra surpreendente, exuberante e cheia de sabedoria, que nos faz rir até às lágrimas e nos comove profundamente.Com uma velha fotografia na mão, um jovem americano visita a Ucrânia dos nossos dias em busca da mulher que pensa ter resgatado o seu avô dos nazis. Acompanhado por um tradutor incompetente, um velho perseguido pelas recordações da guerra e uma cadela rafeira, é conduzido de forma quixotesca através de um país devastado e arrastado para um passado estranho e surpreendente."


Só mais uma coisa, recomendo desde já o último romance dele, traduzido por estas bandas pela Quetzal, desta vez com a capa da edição original, mais feliz na minha humilde opinião.

6 comentários:

luís disse...

Por acaso acho esta capa um verdadeiro desastre. É apelativa, sem dúvida, mas mal dá para perceber o título do livro. Não creio que hajam muitas pessoas numa livraria que percam muito tempo a tentar perceber o título de um livro. Não me parece um trabalho de design muito feliz, visto o design querer tornar imediatamente acessível um produto e não apenas bonito.
Facto é que durante os dois meses em que trabalhei como livreiro o livro esteve sempre nas mesas e não me lembro de repôr um único exemplar.
Mas bom, talvez um dia dê uma espreitadela.

Skizo disse...

Um dos livros que tenho em lista de espera! Mesmo trabalhando numa livraria, (confesso, partilho de alguns sentimentos que transcreves neste blog) tempo para ler é nulo, quanto muito "uma vistinha de olhos". Talvez esta pequena referência o faça subir alguns lugares na fila! :)

Boa sorte para o blog, que ainda cheira a novo.
Este visitante, camarada caixeiro, será presença assídua!

Booktailors - Consultores Editoriais disse...

Existe também o filme, feito com base neste livro, cujo actor principal (o colecionista escritor) é interpretado por Elijah Wood.

O livro é bastante interessante e vai ao encontro do livro do Jonathan Littel, e dos massacres nazis aos judeus da europa de leste e da união soviética.

nsl

jo disse...

Obrigada a todos pela visita!
Luis: tens razão, as pessoas não perdem tempo a tentar ler o título do livro, nem eu o tinha decorado até ler o romance! Quanto ao resto talvez seja só uma questão de gosto pessoal. Se deres uma espreitadela ao livro, diz-me o que achaste.
Skizo:camarada caixeiro, era outro nome possível para este blog!!! :)
Eu também não tenho tempo nenhum para ler no meu horário de trabalho, seria aliás uma excentricidade muito mal vista pelos meus chefes(???) Por isso leio em casa, mas também depende das fases. Este ano até tem sido bom no que toca à quantidade e qualidade de livros que li. Mas lê este se puderes.
Nuno: pois existe o filme, mas perguntei na Fnac e não o têem. Vou ter de arranjar um canal alternativo de distribuição!
Também leste o Jonathan Littel? Outro grande livro do ano para mim!! Mas olha que acho que são livros muito diferentes na minha perspectiva, este é muito mais ternurento, melancólico e humorístico ao mesmo tempo. O do J.L é muito mais "pesado" e duro.
É sobre o holocausto, mas o narrador é um oficial nazi, o que torna tão pertubantea sua leitura.

totoia disse...

Vendido! Aceito a sugestão, fiquei mesmo com vontade de ler.

Josef K. disse...

Boa tarde.
Eu sei que estes posts já têm uns anitos, mas surgiram-me nos primeiros resultados da pesquisa Google pelo livro "Está tudo iluminado".
Tenho andado a tentar encontrar este livro e não consigo. A edição portuguesa, claro.
Por acaso não fazem ideia de onde o devo procurer? Já tentei as maiores livrarias e nada.